• 23 JUN 15
    • 0
    As melhores dicas para um belo sorriso.

    As melhores dicas para um belo sorriso.

    Todo mundo quer ter um belo sorriso.

    Se você está insatisfeito com a estética do seu sorriso, porque os seus dentes estão mal posicionados no arco dental, ou são pequenos e apresentam espaços entre os dentes, ou ainda, porque estão manchados, amarelados, ou porque as restaurações de resina que foram realizadas há tempo já se apresentam com infiltrações e escurecidas, saiba que existem soluções para todos esses problemas.

    Indivíduos que apresentam uma arcada dental com uma má oclusão dos dentes posteriores e/ou anteriores devem procurar um ortodontista. A má oclusão pode provocar a ocorrência de interferências durante a mastigação ou desgastes exagerados dos dentes que causam dor de dente, por inflamação dos tecidos do canal (no interior do dente) ou da gengiva, dores na região da mandíbula, dores nos ouvidos, no rosto e dor de cabeça.

    Por outro lado, quando são exigidos apenas pequenos movimentos dos dentes para alinhá-los corretamente, o uso de aparelhos ortodônticos, podem solucionar esses problemas em poucos meses.

    Outras vezes, quando o desalinhamento dos dentes anteriores não estiver muito pronunciado ou se apenas alguns deles apresentam mal posicionamento, a confecção de facetas, de lentes de contato ou de fragmentos de cerâmica podem dar excelentes resultados estéticos e funcionais.

    Essas restaurações são confeccionadas em laboratório de prótese e por isso são conhecidas como restaurações indiretas. O dentista faz o exame clínico, o radiográfico e planejamento para indicar uma dessas restaurações.

    Um sorriso esteticamente comprometido, com várias restaurações antigas e manchadas, ou pela presença de pequenos espaços entre os dentes anteriores também pode ser solucionado com essas restaurações indiretas.

    Dentes manchados ou escurecidos que necessitam a colocação dessas restaurações indiretas, podem ser primeiramente clareados, para depois serem realizadas as facetas, as lentes de contato, os fragmentos ou as coroas de cerâmica.

    Esse branqueamento dental pode ser obtido a partir de 3 técnicas: clareamento em consultório, clareamento em casa (clareamento caseiro), ou a técnica associada, isto é, clareamento em consultório juntamente com o clareamento caseiro. O dentista irá decidir a melhor forma de clareamento dental, de acordo com as necessidades de cada paciente.

    Se você investiu no seu sorriso e tem facetas, lentes de contato ou coroas de cerâmica cimentadas , existem algumas dicas para que elas permaneçam bem coladas nos dentes sem que se soltem ou que sofram manchamentos, ao longo do tempo:

    varios-rostos-e-sorrisos-de-mulheres-bonitas

    Aqui estão 7 dicas

    1. O ideal é que todo indivíduo que apresenta coroas, facetas ou lentes de contato, usem durante a noite, uma placa de mordida de proteção para evitar a fratura dessas restaurações, principalmente se apresentar bruxismo (hábito de apertar os dentes e ranger).

    2. Evitar de cortar com os dentes anteriores, os alimentos mais duros e fibrosos, como o pão francês e o pão italiano. Prefira cortá-los com uma faca ou parti-los com a mão e mastigá-los com os dentes posteriores. Assim estará evitando fraturar as cerâmicas, embora elas sejam muito resistentes, saiba que mesmo os dentes naturais, podem se fraturar ao morder alimentos mais duros ou mais fibrosos, principalmente os dentes de indivíduos com idade mais avançada, em decorrência do ressecamento do mesmo.

    3. Embora a cerâmica usada nas facetas ou lentes de contato odontológicas não sofra manchamento, por ser um material totalmente inorgânico, o cimento que é utilizado para colar ao dente pode se manchar ao longo do tempo. Por essa razão, aconselha-se limitar a ingestão de bebidas e alimentos que contenha corante (vinho tinto, café, molho de soja, do tipo shoyu, etc) e estabelecer uma boa escovação após as refeições. Atualmente, existem alguns cimentos resinosos para colar as restaurações de cerâmica, que não escurecem com o tempo, graças a substituição de determinados componentes que causam essa alteração da cor.

    4. Uma boa higienização dos dentes e o hábito de usar o fio dental corretamente, evita a formação de infiltrações das restaurações que causam o escurecimento e o descolamento dessas.

    5. Essas restaurações de cerâmica devem ser realizadas por dentistas especializados na área de estética, que tenham experiência e um bom conhecimento dos adesivos e dos materiais de cimentação. Esse profissional saberá escolher a melhor cerâmica para cada situação. Ele saberá como preparar o dente e a cerâmica antes de cimentá-la, e usar os materiais e equipamentos mais modernos, para ter um resultado ainda melhor na adaptação e na estética da faceta.

    6. Saiba que os materiais e adesivos para a cimentação dessas restaurações de cerâmica evoluíram muito nesses últimos anos, conferindo uma adesão ao dente cada vez mais eficiente. Portanto, para colar essas facetas ou lentes de contato de cerâmica adequadamente ao dente, sem que elas se soltem ou se manchem ao longo do tempo, o dentista precisa conhecer a composição básica dessa cerâmica para poder escolher o melhor cimento e utilizar a técnica correta de cimentação.

    7. Por último, o controle e a profilaxia dos dentes realizados nas visitas frequentes ao consultório, pelo menos uma vez ao ano, possibilita que o dentista identifique fatores que possam interferir na longevidade dessas restaurações.

    Se esse texto foi útil para você comente conosco. →

Deixe um comentário

Cancel reply

Photostream